sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

Na politica , o ano não termina em Paulínia

Cidades & Bastidores

A Política dos Bastidores
Por
 Miguel Samuel de Araujo
 
Esclarecimento :   querem as trevas
É preciso esclarecer     aos comerciantes e povo em geral, que a produção de arranjos natalinos que iam deixar a cidade  de Paulínia mais bonita e atraente nos dias de festas de final de ano ficou prejudicada por conta da iniciativa de opositores á administração do prefeito Dixon  de Carvalho. O Jurídico da Prefeitura teve que se esmerar para dar explicações e tomar as devidas providências.
Atrapalhou o comércio e a cidade
  De nossa parte, sempre respeitamos a legitimidade e as intervenções da Promotoria e do Juiz. Infelizmente, há que se destacar que em tudo isso, fica  evidente que a iniciativa de oportunistas que se aproveitam da situação. A tentativa de barrar ou atrapalhar  as contratações da produção do Natal  não passa de um jogo político de opositores, os mesmos que até há pouco tempo estavam no governo e sempre foram questionados também por atos semelhantes.É parte das atribuições da Promotoria e do Judiciário, averiguar e fazer com que a lei se cumpra
Sempre os mesmos atores
 Logo, podemos dizer com segurança que a simples luta de poder pelo poder faz  a cidade terminar 2017 em clima trevoso e de instabilidade política. Tudo quem vem do  Executivo vira questionamentos na Justiça. O prefeito mal anuncia a   assinatura da requisição do processo de contratação para a reconstrução da Ponte da Rhodia, eles já se preparam, não para acompanhar, apontar erros e colaborar  para facilitar a vida do cidadão . Já querem detonar tudo. Que  coisa, viu ?
Oposição  necessária
As críticas vindas da oposição só fortalecem o governo. Basta que ele e equipe a recebam como o olhar de quem está fora  e faça as devidas correções. Também se faz necessário que o projeto de comunicação do Governo seja eficiente para mostrar com a devida clareza o que está por trás de muitas questões levantadas. Se o pessoal que hoje está na linha de tiro contra o Governo é o mesmo que deixou a cidade em pandarecos, significa dizer que essas pessoas assumem a incompetência e fazem de tudo para que as coisas dêem erradas. Logo, aos poucos esse povo será ceifado e jogado na caçamba junto com os entulhos que marcam a época deles.
Satisfação estampada
Além do prefeito Dixon  Carvalho, o secretário de Obras, Valdir Terrazan era uma das pessoas mais eufóricas na solenidade de assinatura da requisição da contratação das obras sobre o Ribeirão Anhumas, a Ponte da Rhodia. Ele era subprefeito de Barão Geraldo quando a estrutura foi avaliada como imprópria para o trânsito e foi interditada. Isso aconteceu há mais de quatro anos e já desde aquela época, intrigas entre  situação e oposição já vinham prejudicando os interesses do povo de Campinas e Paulínia.
A história e conseqüência das brigas
Dia desses, um boca aberta da turma ligada ao ex- prefeito nos questionou sobre o que nos leva a sempre lembrar os atos do período passado.Fica até desagradável justificar o que a gente escreve, vamos então citar o filósofo polonês Adam Shaff que contribui com o pensamento político com a obra: Porque reescrevemos continuadamente a história. No caso de Paulínia, a gente só entende o caos em que a cidade se encontra recapitulando a história. A rigor por muitos anos , a cidade de Paulínia viveu sob o signo das birras entre os ex- prefeitos Edson Moura e José Pavan Júnior. Vai daí, os escombros do Sambódromo, do Complexo Brasil 500, o abandono do Parque das Flores, do Bosquinho e outros. O que mais chama a nossa atenção é que dentre esses tem alguém mais de olho no poder do que em possíveis alternativas para resolver as pendengas.
 Com os cravos afiados
O  ex- vice-prefeito e ex-vereador Francisco Almeida Bonavita Barros (PTB) avisa que apesar da decisão da Justiça, continua no páreo na corrida pela Prefeitura de Paulínia. Na  linguagem do futebol, ele quer dizer que não pendurou as chuteiras. Bonavita fez comentários á imprensa  sobre a decisão de quarta-feira (6) do Tribunal de Contas do Estado (TCE), contra o pedido de revisão da sentença que reprovou, em junho de 2012, as contas da Câmara Municipal de Paulínia, referentes ao ano de 2007, quando ele era o presidente legislativo. “O julgamento ainda não terminou. Ainda temos algumas opções de recursos disponíveis, e, certamente, vamos usá-las, porque, mesmo respeitando, não concordamos com a decisão do Tribunal, disse.
Retrospectivas e perspectivas
 O prefeito Dixon Carvalho e seus secretários fazem avaliação positiva das atividades  do governo em 2017 e lamenta a postura de opositores  que prejudicam o andamento de projetos. Segundo ele, o seu governo está aberto ao diálogo. Os secretários avaliam que 2017, foi o ano para entabular uma série de ações que irão dar um novo ambiente político á cidade
Tudo conforme estava programado
O prefeito destaca que já esperava pelas investidas da oposição em 2017 porque parte de suas ações incomodou muita gente, cortou gastos sem prejuízo para o povo. “ Os que perderam privilégio jogam o povo contra nós, usam artifícios políticos e jurídicos , para prejudicar a administração e prejudicam o povo

A  Baixa do ano: réquiem para Seo Aldo
Paulínia perdeu no dia 6 de dezembro, aos 82 anos, o conselheiro Aldo Lima Guimarães, homem  que mesmo nos momentos mais duro da enfermidade, vibrou por uma cidade mais justa, democrática  com transparência e participação popular nas ações de governo. Era uma escola de controle social e cidadania a ponto de se tornar ácido para agentes públicos em suas considerações e cítrico para as pessoas que de suas intervenções se beneficiavam. O Jornal OCROMO se rende em homenagem ao cidadão ilustre, nosso fiel leitor que muitos nos ajudou com o acúmulo e saber









quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Pizza para a galera da APAE



  Cidades & Bastidores


APAE de Paulínia   festeja final de ano com Pizza

As comemorações de Natal e final de ano na Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Paulínia começaram mais cedo neste ano. Na última terça-feira (13), cerca de 120 pessoas, entre pessoas atendidas e funcionários da entidade participaram da Tarde da Pizza, uma ação social patrocinada pela Monte Cabral Distribuidora de Combustíveis, empresa da cidade que abraçou as atividades da instituição ao longo de 2017.

Realizada pela primeira vez desde que a entidades está em funcionamento, a Tarde da Pizza substituiu os passeios de final de ano que a APAE local realiza para crianças, adolescentes e adultos que freqüentam a instituição. O evento, além de marcar o fim de mais um período de trabalho, serviu também para estimular a convivência e integração das pessoas.

Para o diretor-presidente da Monte Cabral Distribuidora de Combustíveis, Mário Camarozzano, a Tarde da Pizza fechou com “chave de ouro” o envolvimento da empresa e seus colaboradores com a APAE de Paulínia, uma entidade com grandes serviços prestados à comunidade local e que sobrevive com muito sacrifício e poucos recursos financeiros. “Para que a APAE continue desenvolvendo este trabalho maravilhoso para os portadores de excepcionalidade e suas famílias, é importante que nossa sociedade e empresas se engajem em ações e projetos, permitindo a expansão desse trabalho”, comenta.

Em seu primeiro ano de parceria com a APAE Paulínia, a Monte Cabral adotou dois projetos de extrema importância para a entidade, com a doação de recursos para recuperação e compra de equipamentos para o setor de artes cênicas, e recuperação completa da sala de artesanato. “Nosso envolvimento neste ano foi só o começo. Em conjunto com a diretoria da instituição, vamos ver quais ações podemos realizar em 2018 para melhorar ainda mais a estrutura de funcionamento da APAE, permitindo que ela possa dar continuidade aos seus trabalhos”, completa diretor-presidente da Monte Cabral.

Para a diretoria e funcionários da APAE Paulínia, a chegada da Monte Cabral como colaboradora foi importante. Eles ressaltaram ainda, que jamais a entidade realizou um evento da Pizza, sendo esta a primeira vez, e que a empresa foi uma das mais atuantes como colaboradora, garantindo a expansão dos projetos de cursos para o segundo semestre deste ano e para 2018.


terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Cidades & Bastidores

   Pastor Ramath é condenado a 9 anos de cadeia, acusado de estuprar  uma mocinha da Igreja
A Justiça de Paulínia  condenou o pastor Ramath Antônio Linhares de Barros , da Igreja Batista Pedra Viva, a cumprir nove anos  em regime Fechado. O Juiz Carlos Eduardo Mendes acolheu parcialmente a denúncia da Promotoria da Justiça ( Ministério Público)  contra Ramath , acusado de estuprar uma adolescente , filha de um casal de fiéis da Igreja.O condenado está em liberdade em grau de recurso na segunda instâmcia
A esposa do pastor, a também pastora Patrícia Breda Linhares, foi absolvida no processo.Ela também foi denunciada. O MP entendende que a pastora Patrícia sabia da prática libidinosa do marido e omitia. A sentença está publicada no Diário Oficial do Estado de São Paulo.   Ramath  recorre da sentença em liberdade e o Ministério Público recorre da absolvição da Pastora Patrícia
O Jornal O Cromo teve acesso com exclusividade aos detalhes que cercam o fato que escandalizou a Igreja. Ramath foi afastado do Ministério, assim que a adolescente confidenciou a história a uma amiga. A igreja como instituição de fé, procurou resguardar o seu nome perante a sociedade.
  Em sua próxima edição da versão impressa, o Cromo revelará detalhes do caso.

( Resumo do processo)


 Para o réu Ramath Antonio Linhares Barros Ante o exposto, JULGO PARCIALMENTE PROCEDENTE a pretensão punitiva estatal, para Condenar RAMATH ANTONIO LINHARES BARROS, por incursão por várias vezes no artigo 217-A, caput, na forma do artigo 71, todos do Código Penal, à pena de 09 (nove) anos e 03 (três) meses de reclusão. O regime inicial de cumprimento da pena é o feProcesso 0001188-83.2015.8.26.0428 - Ação Penal - Procedimento Ordinário - Estupro de vulnerável - L.H.G.F. e outro -R.A.L.S.B. e outro - DISPOSITIVO A) Para o réu Ramath Antonio Linhares Barros: Ante o exposto, JULGO PARCIALMENTE PROCEDENTE a pretensão punitiva estatal, para Condenar RAMATH ANTONIO LINHARES BARROS, por incursão por várias vezes no artigo 217-A, caput, na forma do artigo 71, todos do Código Penal, à pena de 09 (nove) anos e 03 (três) meses de reclusão. O regime inicial de cumprimento da pena é o fechado. B) Para a ré Patrícia Breda Flauzino Linhares Barros Ante o exposto, JULGO IMPROCEDENTE a pretensão punitiva estatal posta na denúncia para Absolver PATRICIA BREDA FLAUZINO LINHARES BARROS de incursão no artigo 218-A c.c artigo 226, Inciso II, ambos do Código Penal

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Cidades  &  Bastidores 
1ª Feira do Empreendedor de Paulínia acontece 
                                            nesta quarta-feira

A 1ª Feira do Empreendedor de Paulínia será uma boa oportunidade para que atuais e futuros empreendedores recebam orientações de especialistas de várias áreas e também de participar de workshops com o Sebrae. O evento, realizado pela Copersucar com o apoio da Prefeitura Municipal, vai acontecer nesta quarta-feira, 06/12, no período das 08h00 às 17h00, na Escola de Stop Motion. Além de palestras, o evento também terá exposição e divulgação de empreendimentos locais. 

Confira a programação:

MANHÃ:
8h00 – Credenciamento
8h30 – Boas Vindas
9h00 – Abertura e fala Institucional Programa Conecta
9h30 – Diego Rodrigues Thuler / Workshop " Empreender com Propósito"
10h30 – Denise Taioli Thuler / Workshop " Gestão de Marcas"
11h30 – Fomento ao empreendedorismo- Programa Conecta
12h00 – Almoço e intervalo
TARDE
13h30 – Credenciamento
14h00 – Fomento ao empreendedorismo  Programa Conecta
14h30 – SEBRAE / Workshop "Formalizar para começar bem"
15h40 – Rosely Pinese Macetti / Workshop "Empreendedorismo e Autoconhecimento"
16h30 – Encerramento
Serviço:
1ª Feira do empreendedor de Paulínia
Data: 06 de dezembro – das 8h00 as 17h00
Local: Escola Stop Motion
Av. Prof. José Lozano Araújo, 1515 – Pq Brasil 500


sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Cidades &  Bastidores


Campanha Fique Sabendo no Morro Alto neste domingo, dia 3

Os moradores da região do bairro Morro Alto, em Paulínia, irão receber neste domingo dia 03 de Dezembro, das 12:30 as 16:30, a "Campanha Fique Sabendo", que irá unir saúde e cultura, com apresentações culturais na Praça José A. Leone.

Durante todo o evento será realizado gratuitamente Testes Rápidos de HIV, Sífilis e Hepatite B e C, visando o diagnóstico precoce da doença, possibilitando o tratamento imediato e prevenção. Os atendimentos são confidenciais e sigilosos. Além dos testes a população contará com uma programação especial de apresentações como de Hip Hop com o grupo "Gran Ghetto" e alunos Piter, Judô com Feu, Dança e apresentação de Maria Ildete e Banda.

A ação tem o apoio da Prefeitura Municipal de Paulínia, Secretaria de Saúde e Secretaria de Cultura. A ação integra a campanha "Fique Sabendo", do Ministério da Saúde, para a Semana de Luta contra a Aids, em comemoração ao Dia 1º de dezembro, dia mundial de combate ao vírus.

coordenadora do CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento) de Paulínia, Dra. Marta Brant, destaca que o objetivo da campanha é fazer o diagnóstico precoce da doença, e trabalhar aspectos de prevenção, informar a população, distribuir materiais educativos e insumos e ressalta a importância da realização do teste devido ao aumento de casos de sífilis em nível nacional.

Serviço: Campanha Fique Sabendo – 03 de Dezembro
Local: Praça José A. Leone – rua: Maestro Salvador Bove – Bairro: Morro Alto

Programação de apresentação
12:30 – Abertura Oficial
13h30 Apresentação de Hip Hop "Gran Ghetto"-
14hs Apresentação de Judô (Feu) -
14h30 Apresentação de Hip Hop (alunos Piter)
15h Apresentação de dança (alunos Karina)
15h30 Maria Ildete e Banda
16:30 – Encerramento


quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Cidades & Bastidores

Velhinhos  colocam Política Social em debate

O que é preciso esclarecer,  é se a política de atendimento a essa população de pessoa idosa passa só pela Secretaria da Saúde.
 A meu ver, o atendimento á pessoa idosa é política de Governo,em ação na transversalidade .Na Conferência da Assistência, foi tirada uma série de deliberações, entre elas o atendimento a esse segmento (idoso ),cujo tema era: Desafios na Implantação das Políticas Públicas de Assistência Social em transversalidade e radicalidade  democrática.
 Logo, o entendimento é que o Estatuto do Idoso deve ser respeitado e fazer valer o que ele prevê. A pessoa que integra esse segmento tem o direito ao atendimento público dispensado ao cidadão e cidadã em condição de vulnerabilidade. Então que se monte um grupo de profissionais de Assistência para discutir com o governo  e se preciso for, envolver  o Ministério Público .
 Eu tenho me poupado dessa discussão por cautela .Sou contra  dar palanque por palanque no processo continuado de disputa de poder usando os idosos. Isso é mal.  È o debate que se abre sobre a terceirização dos serviços, que envolve discussões técnicas, execução de políticas públicas, políticas  sociais sem perder o viés da disputa de poder loca. da qual a cidade não escapa.
A história  lembrada
A rigor, o Lar dos Velhinhos já não tem esse nome há muito tempo, é o Centro de Geriatria , como assim define a nova nomenclatura. Desde os tempos do governo de Seu Zé Pavan, com a Dona Enide como Primeira Dama que o Lar dos Velhinhos existe na cidade. Os pais do ex- prefeito José Pavan Junior o mantinha como obra social, ora com recursos direto do Gabinete do prefeito,  cujo chefe era Plínio Borges, ora com ajuda da sociedade, em campanhas com os clubes de serviço e afins.
 O Lar dos Velhinhos tinha até uma padaria e outras atividades geradora de recursos
 Com os tempos, as leis mudaram e as atividades do Lar que estavam  ligada a instituição Joana Elizabete passaram para a prefeitura. Não há como crer que a administração vai desabrigar idosos  e muito muitos excluí-los da Política de Assistência. Seria bom que o debate  se estendesse para a sociedade com dados concretos e que os discurso em defesa dos idosos e outros segmentos seja sustentado com propostas claras para evitar o simples palanque para opositores. Eles, os opositores são legítimos , reconhecemos e nosso posicionamento é no sentido de que o discurso reverbere na realidade e assim evita desgastes para todos 


Velhinhos colocam Política Social em debate em Paulinia

Velhinhos  colocam Política Social em debate

O que é preciso esclarecer,  é se a política de atendimento a essa população de pessoa idosa passa só pela Secretaria da Saúde.
 A meu ver, o atendimento á pessoa idosa é política de Governo,em ação na transversalidade .Na Conferência da Assistência, foi tirada uma série de deliberações, entre elas o atendimento a esse segmento (idoso ),cujo tema era: Desafios na Implantação das Políticas Públicas de Assistência Social em transversalidade e radicalidade  democrática.
 Logo, o entendimento é que o Estatuto do Idoso deve ser respeitado e fazer valer o que ele prevê. A pessoa que integra esse segmento tem o direito ao atendimento público dispensado ao cidadão e cidadã em condição de vulnerabilidade. Então que se monte um grupo de profissionais de Assistência e outros ligados diretamente ao atendimento ao segmento para discutir caso com o governo  e se preciso for, envolver  o Ministério Público .
 Eu tenho me poupado dessa discussão por cautela .Sou contra  dar palanque por palanque no processo continuado de disputa de poder usando os idosos. Isso é mal.  È o debate que se abre sobre a terceirização dos serviços, que envolve discussões técnicas, execução de políticas públicas, políticas  sociais sem perder o viés da disputa de poder loca. da qual a cidade não escapa.
A história  lembrada
A rigor, o Lar dos Velhinhos já não tem esse nome há muito tempo, é o Centro de Geriatria , como assim define a nova nomenclatura. Desde os tempos do governo de Seu Zé Pavan, com a Dona Enide como Primeira Dama que o Lar dos Velhinhos existe na cidade. Os pais do ex- prefeito José Pavan Junior o mantinha como obra social, ora com recursos direto do Gabinete do prefeito,  cujo chefe era Plínio Borges, ora com ajuda da sociedade, em campanhas com os clubes de serviço e afins.
 O Lar dos Velhinhos tinha até uma padaria e outras atividades geradora de recursos

 Com os tempos, as leis mudaram e as atividades do Lar que estavam  ligada a instituição Joana Elizabete passaram para a prefeitura. Não há como crer que a administração vai desabrigar idosos  e muito muitos excluí-los da Política de Assistência. Seria bom que o debate  se estendesse para a sociedade com dados concretos e que os discurso em defesa dos idosos e outros segmentos seja sustentado com propostas claras para evitar o simples palanque para opositores. Eles, os opositores são legítimos , reconhecemos e nosso posicionamento é no sentido de que o discurso reverbere na realidade e assim evita desgastes para todos  

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Claúdio Ernane anuncia projeto político
O secretário de Saúde, Cláudio Ernane Marcondes de Miranda, anunciou sua saída da pasta durante a solenidade de abertura da ala de Urologia do Hospital Municipal de Paulínia. Ele será substituído pelo atual diretor técnico Yanko Gonçalves Mello. O prefeito Dixon Carvalho enalteceu o empenho do Dr. Claudio e desejou sucesso ao Dr. Yanko em sua nova empreitadada. Para explicar sua saída, o secretario Cláudio revela que tem projeto político e que vai se dedicar às eleições do ano que vem. Seu objetivo é conseguir uma legenda para se candidatar a deputado federal. No evento realizado neste sábado, resaltou, ainda, o esforço de toda equipe que trabalhou com ele nesses sete meses e que fará toda transição do cargo juntamente com o novo secretário.

sábado, 25 de novembro de 2017

Política dos Bastidores
Por
Miguel Samuel de Araujo



Do outro lado do Paraíso, a novela da Fazenda do homem...
 De forma lenta, como a novela  da Globo, cujo desfecho é aguardado com suspense, no relatório de uma CEI ( Comissão Especial de Inquérito), encerrada recentemente, a desapropriação feita pela Prefeitura de Paulínia, da fazenda de uma família poderosa,  é centro das atenções de quem teve conhecimento do relatório final.
Falta clareza
O presidente da Comissão, vereador Kiko Meschiatti (PRB), informa que não recebeu a documentação completa  do processo.Só que depoimentos consistentes ,revelam pistas de uma trilha aberta com muita astúcia numa mata serrada, é só prestar atenção no embaralhar e na distribuição das cartas.
 Só a ponta do Iceberg
A verdade é que  essa desapropriação da Fazenda Paraíso, foi  o precedente para muitas outras  que virão  a seguir . Assim como quem pegou pista certa, o novato vereador  passou a esmiuçar as  coisas relacionado a um  assunto rico em detalhes, o que torna o desenrolar do episódio  cercado  de expectativas. Tomara que não caia no esquecimento  
Parece uma ficção. É a política
O meio político e o povo em geral sabem por ouvir dizer,  das história e causos acerca da desapropriação da Fazenda Paraíso. Tem gente que até desconfia de mistérios , que vão além do que  estaria do outro lado  do Paraíso, só não afirma com certeza por falta de documentos. É uma  novela inspirada na realidade
Acendeu o estopim
Em programa de rádio, o ex- prefeito Edson Moura revelou, ao então radialista Eduardo Ribeiro, âncora do Programa “ A Cidade se Comunica “, os detalhes da transação. No ar, a fala dele foi como uma bomba, cujo efeito do estrondo parece ter caído no esquecimento  do povo que hoje vive seus efeitos
Para  registro
A CEI para investigar possíveis irregularidades nas desapropriações de áreas de terra em Paulínia,  intimou empresários, donos de terra e gente do governo. Nem todos compareceram para depor. Kiko mandou o relatório para órgãos da Justiça para providências.
Um roteiro bem feito
 Vai desde o processo que aponta a finalidade da desapropriação com o devido destino, a avaliação da área de acordo com a realidade do mercado e os desembolsos dos cofres públicos. Seria o garimpo das esmeraldas, há! há! há!..Só os que acompanham tudo desde os tempos idos devem se lembrar
Pouca gente lê  e pensa  muito. Opinião formada
Ao contrário do que pensam, nosso foco é um público específico, já  tem quem distribui  em sinaleiros e  deixa a cidade forrada com suas  publicações. O nosso público é restrito, são os antenados no tempo e conectados com a atualidade da política.  Assim, temos a liberdade para brincar com metáforas e analogias, na certeza de que tem quem entende
  Do arco da Velha
 No afã do cumprimento  com o dever, o vereador Tiguila Paes (PPS) , está na saia justa por causa de umas declarações dadas por ele a Promotoria sobre umas conversas das quais ele participou junto com colegas. Bateu fora do bumbo e a baqueta acertou a testa de quem nem ele esperava. A partir de agora, até a pessoa quer  ficar  longe dele.
São os fundamentos e pilares da  demagogia
O filósofo Sergio Cortella, alerta que o  discurso da ética e da moral requer postura e comportamento adequados. Do contrário, por si só o palavrório fica insustentável. O pensador se fundamenta na mensagem de Paulo, o apóstolo, que em uma de suas epístolas escreveu aos irmãos: tudo é lícito e nem tudo me convém.
Sobre os preceitos  constitucionais
Para  compreender melhor, o debate político acerca da obediência à legalidade, a gente vai nos princípios constitucionais que cuidam de estabelecer o dever pelo zelo e do bem fazer nas coisas públicas. Seriam princípios da economicidade e da eficiência, tudo bem claro enquanto a máquina e estrutura pública foram para o sucateamento, e muita coisa  foi feita sem o devido planejamento estratégico, sem levar em conta a previsão de receita , o  que levou   a estrutura administrativas ao estrangulamento
A  gente passa só passa a visão
 Logo nem tudo se resolve no momento, de uma hora para a outra só invocando  o princípio da moralidade pública. Preocupa-nos,  quando esse princípio é reclamado por quem está firme  tão somente no ânimo do poder, pelo qual fazem de tudo só para abrir ou ampliar o espaço de seus negócios. Trata-se de um importante debate. Na verdade, é  um processo lento e demorado que requer sábias costuras políticas e envolvimento de interesses , bem como , a seletividade e a celeridade nas prioridades do povo que sofre muito com esse jogo pesado.
Operação delicada e seus remédios
 Com o balizamento do bom direito,  haveremos de destacar a lhaneza do Ministério Público e do Poder Judiciário em contribuir para o reordenamento  das coisas que são da sociedade , sempre muito atentos a esse tipos de manobras orquestradas . Enquanto  isso, o tempo passa e os opositores continuam trepados nos palanques por falta de espaço no governo . Entre eles, tem até quem esteve dentro e ajudou
É  a cantilena sempre
 Eles nunca apresentam com clareza as suas propostas de gestão pública para a sociedade, só apontam erros nos procedimentos administrativos. É a lei,  até ai, tudo bem. Criticam os contratos por conta do insucesso nos seus negócios e quando é do interesse, eles fogem do mérito da eficiência e da economia.  Se for ver bem, o apelo da moralidade é mero discurso de quem está sem palanque e por toda forma só quer o poder. Nada mais.
A firmeza dos Promotores
Foi a intervenção do Ministério público que validou ações proativas, como a construção do PCCV ( Plano de Cargos , Carreira e Vencimentos) que saiu bem diferente do projeto feito às pressas pelo antecessor. Houve aí, o entendimento da administração e Sindicato e o Plano foi construído por várias mãos. Entre outros procedimentos, o Ministério Público está apurando casos de falta de políticas claras no setor da Educação Inclusiva , o que exige medidas efetivas para assegurar condições de ensino para crianças com deficiência.
Servidor deu show
 O processo de construção do PCCV deixou em evidência o papel do trabalhador do serviço público na vida administrativa da cidade, bem a importância de um novo modelo de relação estribado no diálogo maduro e harmonia na execução das ações de políticas públicas, da quais o servidor do quadro de carreira  é o  protagonista.
Ociosidade dos elefantes brancos
Do mesmo jeito que o ex- prefeito Edson Moura deixou sua marca  como administrador das obras suntuosas, grandiosas ou faraônicas, como são chamadas, o sucessor e ex- aliado de quem depois  se tornou adversário, o também ex- prefeito José Pavan Junior  grava sua marca na história da cidade, como o gestor que  abandonou os elefantes brancos , ou seja, ele deixou as obras e projetos de Moura sem função. Tudo por conta da infantil rivalidade entre pessoas dos grupos liderados pelos dois. Um personalismo doentio, marcado pelo ódio e ostentação  de nomes. Uma alternância que se dava assim, o Moura fazia e o Pavan destruia .
Nem o Tico e nem o Teco
 Um quis ser mais do que o outro, foi-se o período  Moura e os tempos do Pavan.  Sobrou  para o povo, os escombros do Pavilhão de Evento, do Sambódromo, dos portais,  o assoreamento do Parque das Flores, o abandono dos conjuntos poliesportivos, do Bosquinho,da Lagoa do João Aranha, Mini- Pantanal entre outros próprios públicos em completo estado de sucateamento, que chega a dar tristeza de ver.
Só observando
Nos painéis instalados em vários pontos da cidade, onde por muito tempo a foto do presidente do SD do Partido da Solidariedade ( SD), Mauro Torres foi estampada com suas  mensagens nas datas comemorativas, agora, lê-se : Nova  Lumina,empresa  da qual ele é diretor. Torres explicou sua estratégia como um novo conceito para seus negócios que se ampliam. Ele que teve participação destacada  na última campanha, inclusive na união dos candidatos Tuta Bosco e Palito, agora disse está só na observação dos acontecimentos.

Um  cara resiliente
Não é por acaso que ele é conhecido como Chico Vapor para uns e Vaca Brava para os mais próximos. São apelidos que representam seus negócios em vaporização, consertos e manutenção de tanques de caminhão. Só que Vaca Brava  cai bem ao seu estilo de vida , um cara que não mede esforços diante de qualquer obstáculo quando está em jogo no nome da família. Esse é o Francisco Fernandes, o Chiquinho Vaca Brava

Os Ferrari  em destaque
Na  retaguarda está a tia Fátima  que viu dois irmãos vereadores e o sobrinho.  De forma tranqüila, a família marca presença na Política. O vereador Xandynho prepara o projeto que vai homenagear o pai, Carlinhos, que por duas vezes foi vereador  em Paulínia. Carlinhos, pessoa popular da cidade, ligada às festas de rodeio e se orgulha do filho Xandynho,  que segue firme no primeiro mandato.  O tio, Aparecido Miguel Ferrari, o Loira volta à Câmara depois de um ano fora e cumpre o segundo mandato. Na última sessão, ele se posicionou contra o pedido de abertura de investigação contra o prefeito Dixon Carvalho e criticou opositores do prefeito, que a seu ver deveriam se preocupar com outras prioridades da cidade










sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Cidades & Bastidores Novembro Azul: Prefeitura de Paulnínia inaugura ala de urologia e promove caminhada.





Uma  caminhada vai chamar a atenção sobre o Câncer de Próstota


Um novo espaço no Hospital Municipal de Paulínia (HMP) voltado exclusivamente para a Saúde do Homem e uma Caminhada de conscientização sobre o Câncer de Próstata fazem parte das comemorações do Novembro Azul, promovido pela Prefeitura de Paulínia, por meio da Secretaria da Saúde. Os dois eventos acontecem neste sábado, dia 25 de Novembro, e são ferramentas importantes para a conscientização a respeito da saúde do homem.

A primeira ação será às 8h30 com a realização da "Caminhada Novembro Azul", que tem como objetivo chamar a atenção da população, principalmente dos homens, para a prevenção ao Câncer da Próstata. A caminhada terá início com a concentração no Parque Zeca Malavazzi e o percurso será realizado entre o Parque Zeca Malavazzi e o Hospital Municipal de Paulínia. Durante o evento haverá entrega de brindes e folhetos informativos da campanha.

Na sequência, a partir das 9h, no Hospital Municipal de Paulínia, o Departamento de Urologia passará a contar com um novo espaço exclusivo para a Saúde do Homem.  Esse espaço integra a fase de ampliação da unidade que está em andamento. A nova ala da Urologia será entregue pelo prefeito Dixon Carvalho e o Secretário da Saúde, Dr. Cláudio Miranda, além das demais autoridades e convidados.

O médico urologista e coordenador do Serviço de Saúde do Homem do Hospital Municipal, Dr. João Carlos Alonso, destaca a realização do evento. "São dois momentos marcantes para a população paulinense. A Caminhada do Novembro Azul já é tradicional e aguardamos a participação de todos. Já o novo espaço é mais um passo para cuidarmos cada vez melhor do tratamento específico dos homens".

O prefeito Dixon Carvalho ressalta que a entrega do novo espaço na Urologia do HMP é um momento de grande importância para o árduo trabalho realizado desde que assumiu o governo. "Estamos dando sequência ao trabalho para, finalmente, terminarmos o hospital que há anos estava paralisado. Pretendemos finalizar toda obra até o final de dezembro para que iniciemos 2018 colocando todos os equipamentos para os novos espaços do HMP entrem em operação o mais rápido possível. Não vamos esmorecer e como já disse várias vezes nesses 10 meses de governo, a população de Paulínia vai ter uma melhora acentuada na área de saúde", explica Dixon.   

Endossando as palavras do prefeito, João Carlos ressalta a importância deste novo espaço no Hospital Municipal. "Será maior, terá mais salas, com mais conforto aos pacientes. Haverá sala de pequenos procedimentos, além de sala para exame estudo urodinâmico e ultrassom com biopsia de próstata. Tudo isso permitirá um atendimento com mais agilidade".

 
Os eventos integram as atividades da Campanha "Novembro Azul" 2017que neste ano tem o tema "Inteligente é Prevenir", e conta com o apoio da Prefeitura de Paulínia. E tem como objetivo chamar a atenção da população, principalmente masculina, para a conscientização da importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata.

Um novo espaço no Hospital Municipal de Paulínia (HMP) voltado exclusivamente para a Saúde do Homem e uma Caminhada de conscientização sobre o Câncer de Próstata fazem parte das comemorações do Novembro Azul, promovido pela Prefeitura de Paulínia, por meio da Secretaria da Saúde. Os dois eventos acontecem neste sábado, dia 25 de Novembro, e são ferramentas importantes para a conscientização a respeito da saúde do homem.

A primeira ação será às 8h30 com a realização da "Caminhada Novembro Azul", que tem como objetivo chamar a atenção da população, principalmente dos homens, para a prevenção ao Câncer da Próstata. A caminhada terá início com a concentração no Parque Zeca Malavazzi e o percurso será realizado entre o Parque Zeca Malavazzi e o Hospital Municipal de Paulínia. Durante o evento haverá entrega de brindes e folhetos informativos da campanha.

Na sequência, a partir das 9h, no Hospital Municipal de Paulínia, o Departamento de Urologia passará a contar com um novo espaço exclusivo para a Saúde do Homem.  Esse espaço integra a fase de ampliação da unidade que está em andamento. A nova ala da Urologia será entregue pelo prefeito Dixon Carvalho e o Secretário da Saúde, Dr. Cláudio Miranda, além das demais autoridades e convidados.

O médico urologista e coordenador do Serviço de Saúde do Homem do Hospital Municipal, Dr. João Carlos Alonso, destaca a realização do evento. "São dois momentos marcantes para a população paulinense. A Caminhada do Novembro Azul já é tradicional e aguardamos a participação de todos. Já o novo espaço é mais um passo para cuidarmos cada vez melhor do tratamento específico dos homens".

O prefeito Dixon Carvalho ressalta que a entrega do novo espaço na Urologia do HMP é um momento de grande importância para o árduo trabalho realizado desde que assumiu o governo. "Estamos dando sequência ao trabalho para, finalmente, terminarmos o hospital que há anos estava paralisado. Pretendemos finalizar toda obra até o final de dezembro para que iniciemos 2018 colocando todos os equipamentos para os novos espaços do HMP entrem em operação o mais rápido possível. Não vamos esmorecer e como já disse várias vezes nesses 10 meses de governo, a população de Paulínia vai ter uma melhora acentuada na área de saúde", explica Dixon.   

Endossando as palavras do prefeito, João Carlos ressalta a importância deste novo espaço no Hospital Municipal. "Será maior, terá mais salas, com mais conforto aos pacientes. Haverá sala de pequenos procedimentos, além de sala para exame estudo urodinâmico e ultrassom com biopsia de próstata. Tudo isso permitirá um atendimento com mais agilidade".

 
Os eventos integram as atividades da Campanha "Novembro Azul" 2017que neste ano tem o tema "Inteligente é Prevenir", e conta com o apoio da Prefeitura de Paulínia. E tem como objetivo chamar a atenção da população, principalmente masculina, para a conscientização da importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata.
  


quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Testes de HIV e Sífilis com eficiência


Testes  de HIV e Sífilis  com eficiência



No dia 1º de dezembro cidadãos de todo o mundo voltam os olhares para a importância do combate a doenças sexualmente transmissíveis. Instituída como o Dia Mundial de Combate a Aids, a data pretende incentivar cidadãos a realizarem os exames de detecção do vírus.
Em Paulínia, a 10ª Campanha Estadual Fique Sabendo, realizada em sintonia com as ações promovidas pelo Ministério da Saúde, será realizada pelo Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), que entre os dias 27 de novembro a 1º de dezembro realizará testagem de HIV e Sífilis.
De acordo com a Secretaria da Saúde de Paulínia, a ação será realizada das 7h às 17h nos dias 27, 28, 29 e 30 de novembro, e no dia 1º de dezembro, data que marca o início da Campanha Dezembro Vermelho, o CTA irá funcionar com horário estendido das 7h às 19h.
Nesse período serão realizados gratuitamente testes rápidos de HIV e Sífilis, visando o diagnóstico precoce da doença e, assim, possibilitando o tratamento imediato e prevenção. Os atendimentos são confidenciais e sigilosos.
Campanha Extra Muros - No dia 3 de dezembro, a Secretaria de Saúde realiza a "Campanha Extra Muros" na Praça José A. Leone, no bairro do Morro Alto. Das 12h30 às 16:30, os testes rápidos estarão disponíveis população. Em parceria com a Secretaria de Cultura haverá apresentação de Hip Hop, Judô, Dança e show de Maria Ildete e Banda, no período das testagens.
A coordenadora do CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento) de Paulínia, Dra. Marta Brant, destaca que o objetivo da campanha é fazer o diagnóstico precoce da doença, e trabalhar aspectos de prevenção, informar a população, distribuir materiais educativos e insumos. A médica também ressalta a importância da realização do teste devido ao aumento de casos de sífilis em nível nacional.
Campanha - A campanha nacional "Fique Sabendo", como o próprio nome diz, visa ampliar o número de pessoas com conhecimento do seu status sorológico, visto que essa é parte essencial do enfrentamento das doenças DST/Aids, sendo a testagem a porta de entrada para esta cadeia de ações de prevenção, tratamento e cuidado.
Serviço: Campanha Fique Sabendo 2017 - de 27 a 01 de Dezembro
Local: Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) de Paulínia
Endereço: Rua Presidente Costa e Silva, 365, no bairro Nova Paulínia.

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Justiça  mais ágil em Paulínia




Paulínia pode ser contemplada, em breve, com a instalação de mais uma Vara. O pleito foi encaminhado nesta sexta, dia 17, em agenda com o presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, o desembargador Paulo Dimas.

Estiveram na reunião o prefeito Dixon Carvalho (PP), a primeira-dama Tatiana Castro, o secretário de Administração Nilson Bonome e o deputado federal Arnaldo Faria de Sá (PTB). 

"O presidente prontamente se colocou à disposição e entendeu a importância dessa demanda", salientou o prefeito Dixon Carvalho. 

Como encaminhamento do encontro, o desembargador assumiu o compromisso de enviar um representante do TJ para averiguar as condições do local para a instalação da Vara.

Na próxima semana, segundo Paulo Dimas, o item integrará a pauta da reunião do colegiado no TJ e, na sequência, encaminhado para aprovação dos deputados na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp).

"Essa instalação dará mais agilidade aos processos diante da demanda acumulada em nossa cidade", disse o prefeito.


Mutirão de limpeza


A Prefeitura Municipal de Paulínia, por meio da Secretaria de Obras e Serviços Públicos, promove neste final de semana o primeiro mutirão de limpeza após a contratação do Consórcio “Paulínia Sempre Limpa”.
Nos dias 18 e 19, serão realizados serviços de roçada, capina e jardinagem nos quatro portais da cidade e equipes de varrição passarão pelas áreas centrais do município.
No sábado, os bairros São José I e II, Jardim Leonor e Jardim Amélia serão visitados por caminhões e equipes para a realização de coleta de entulho. “Este será o primeiro de diversos mutirões que já estão programados até o final do ano. As ações serão realizadas simultaneamente em diferentes regiões da cidade”, afirma o secretário de Obras e Serviços Públicos, Valdir Terrazan.
Para o prefeito Dixon Carvalho, com o encerramento do trabalho realizado por meio de contrato emergencial, a partir de agora a população poderá avaliar definitivamente a qualidade dos os serviços prestados. “Com a homologação da contratação de empresa responsável pela limpeza urbana, nosso objetivo é limpar a cidade e alcançar a excelência na prestação destes serviços. Vamos trabalhar para dar nova cara para a cidade e a população poderá acompanhar esta mudança de perto”, afirma.
O mutirão de limpeza deste final de semana vai mobilizar sete caminhões carroceria, seis tratores roçadeira, 12 caminhões basculantes, três retroescavadeira e três pás-carregadeiras. Mais de 60 pessoas trabalharão nos serviços de roçada, varrição e jardinagem.
Com a contratação do novo consórcio, a Prefeitura de Paulínia vai economizar cerca de R$ 4 milhões por mês, o que representa uma economia an
ual de aproximadamente R$ 50 milhões.

terça-feira, 3 de outubro de 2017

Paulínia resiste a crise politica


Política dos Bastidores

Por   Miguel Samuel de Araujo


Paulínia, cidade resiliente


Chamou a nossa atenção, uma frase no banner da Defesa Civil, uma frase que muito bem sintetiza a rotina da sociedade local, diante da turbulência política que coloca todo mundo no olho de um grande furacão.

Cidade prevenida e determinada

Na semana passada, a Secretaria da Defesa Civil, organizou e executou uma bem  sucedida simulação de operação de desocupação, de uma indústria química do município , o que deixou claro que a equipe da Pasta  comandada pelo Secretário José Carlos de Almeida está de prontidão para atender qualquer intercorrência que possa colocar vidas em risco.

 Resiliência, um comportamento dos fortes

 Na verdade, a palavra resiliência, significa a capacidade de suportar ou superar situações difíceis e aproveitar para sair melhor delas. A estrutura da máquina, bem como os trabalhadores efetivos e agentes públicos continuam a rotina administrativa, com o atendimento normal ao povo nos balcões e guichês.

Vendo por esse lado

A judicialização do processo político virou uma cultura em Paulínia por parte dos atores de disputa de poder, não que seja errado recorrer ao judiciário ou a Ministério Público. Só que muitos desses sabem muito bem onde querem chegar com as provocações. Sendo assim, ao contrário de vezes anteriores, repercutiu muito pouco na cidade, a sentença que cassou o prefeito Dixon Carvalho ( PP) e seu vice- Sandro Caprino (PRB) em primeira instância.

Diagnóstico e leitura das bulas

Já incorporado no vocabulário popular expressões como liminares, recursos, embargos, de instrumento, embargos infringentes e os nomes de outros remédios jurídicos, assim estão a Dipirona, Captopril, AS infantil, Paracetamol , Penicilina, Insulina entre outros. Agora é só saber ministrar e administrar o que está diagnosticado. É a tarefa


Política Social

O prefeito Dixon Carvalho visitou a Casa do Menor e Apae nesta semana para conhecer as atividades desenvolvidas pelas entidades. Ele reencontrou amigos antigos como o ex- vereador Amaurí Pertile e pais de alunos da Apae, cujo primeiro presidente foi seu irmão Afonso Carvalho, e Pértile lembrou que o pai do prefeito, Benedito Dias de Carvalho, foi sempre muito solícito com a Casa do Menor quando administrou a cidade entre 85 e 88.

Parceiros de projetos

Está em estudos uma parceira entre a Apae e o Cetreim para atender crianças e Adolescentes. O Centro de reabilitação dispõe de equipamentos e pessoal que pode corroborar com o trabalho da Apae, conforme adiantou o secretário de Assistência Social, Genésio Pires.

Outras medidas

Genésio Pires se declara animado com o desempenho da Pasta da Assistência e reconhece as dificuldades para implantar as politicas públicas do setor, como falta de pessoal, poucas assistentes profissionais do serviço social, psicologia, fisioterapia e outros. Segundo ele, hoje está no comando de uma estrutura herdada e com os pés no chão 


Remelexo nas contas

Duas CEIs ( Comissões de Inquérito) abertas na Câmara podem abrir janelas para mostrar muita coisa, ainda encoberta e possibilidades para o Ministério Público agir.

As  entranhas do poder

 A CEI que investiga as desapropriações e aquela outra que investiga contas e investimentos do Instituto Pauliprev, expõem as víceras dos grupos de comandaram a cidade por muito tempo e abre novas discussões acerca da austeridade nos modos de governar. Os vereadores Kiko Meschiatti (PRB) nas investigações das desapropriações e Tiguila Paes ( PPS) com o  Pauliprev são os caras do foco

Olho no olho: a dinâmica das coisas

Vejam como são as coisas. O vereador Marquinhos da Fiorella, o Peixe (PSB) é o presidente da Comissão Processante que investiga denúncias contra o vice- prefeito Sandro Caprino. Quando foi indicado a dedo pelo ex- prefeito Edson Moura, como presidente da Câmara, para o biênio 2015/2016 , pelo ex- , foi exatamento o Peixe que Caprino mandou para o PitSop.

Esses  Bastidores é só provocação

Oras , aqui nesse canto de página do Cromo a gente usa  o filtro das informações antes de publicar , embora  vira e mexe, pessoas como o vice- prefeito ou gente dele fica nos melindres .

Converas que respingam

 A verdade  que  paira nos burburinhos e ecoa pelas bocas miúdas, dão conta que Caprino está atravessado na garganta de vereadores mais velhos ,por causa do tratamento que ele deu para quem o garantiu na presidência. Só que ninguém pode se esquecer  que foi  ele que implantou a  onda de mesa de coffee break, sempre que tinha rodas de conversa em seu gabinete.De modos que seria injusto dizer que na presidência, ele foi um tipo " leãozão que comia tudo sózinho ", há! há! há!..

Cidade Limpa em tudo, inclusive os cofres

Agora, a empresa Filadélfia está num consórcio com outros empreendedores para cuidar da cidade. Paulínia sempre esteve bem cuidada e agora  a estratégia da Prefeitura é usar da eficiência nos serviços e gastar menos , conforme diz o Secretário de Obras Valdir Terrazan

Dinheiro no rastelo

A matéria publicada em um jornal mostrando que a Corpus, que por anos e anos cuidou da limpeza em Paulínia e agora está na cidade de Indaiatuba com caminhões e outros equipamentos modernos, lembra uma mulher formosa que sai do casamento , vai para um outro relacionamento .Aí, nunca perde a oportunidade de desfilar nas festas com modelitos raros, maquiagem caríssima  e outros apetrechos do fino gosto, como quem estivesse  só a fazer pirraça! há! há!

Perdoem a comparação, foi a que melhor coube

 A verdade é que a empresa Corpus do empresário Ricardinho ganhou uma grana boa em Paulínia. Parabéns a ele que investiu bem o que recebeu dos cofres paulinenses  onde ficou desde os tempos do seu Dude nos anos 90

Plano de Cargos e outros encargos

Um impasse marca o final das conversas entre Sindicato dos Servidores e Administração sobre o PCCV ( Plano de Cargos Carreira e Vencimentos). O punhadinho de areia que entrou na engrenagem do diálogo saiu do bolso do colete do secretário das Finanças Silvio Cesar de Andrade na audiência Pública sobre o PPA ( Plano Plurianual)  que não explica em detalhe as previsões para a implantação do PCCV.

Homem de cintura dura

 Pelo que ficou evidente, Silvio é avesso á flexibilidade  ou desconhece  as tratativas políticas do prefeito  Dixon Carvalho acerca dos direitos do servidor.

Momento histórico

 O PCCV foi construido de forma coletiva entre representantes da Prefeitura e dos Servidores e pelo jeito que falou na audiência Silvio corre por fora da ciranda das conversas do prefeito quando o assunto é a democracia nas relações